Postagem em destaque

Você acredita que a conta de luz vai ficar mais barata com a venda da Eletrobras

O ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho, afirmou que a conta de luz deverá ficar mais barata a médio prazo com a pri...

pague seguro

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

Grupo do Blog

quinta-feira, agosto 03, 2017

Naufrágio: Familiares das vítimas estão no local do acidente acompanhando as buscas.

As nove pessoas que desapareceram após um naufrágio no município de Óbidos, no Baixo Amazonas, continuam desaparecidas. Segundo informações do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), as buscas foram retomadas na manhã desta quinta-feira (03), porém ninguém foi localizado. As equipes seguirão trabalhando até 18h.

(Foto: Via WhatsApp)

No final da manhã de hoje, um avião do Grupamento Aéreo da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) deslocou para o município de Óbidos uma equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros, além de um delegado do Grupamento Fluvial (GFlu).

O objetivo é definir novas e urgentes medidas para tentar localizar o grupo de desaparecidas. A grande dificuldade operacional é a profundidade em que está localizada a balsa, que varia entre 35 e 60 metros, segundo o CBM.

As circunstâncias do acidente serão investigadas pela Polícia Civil, com equipe liderada pelo delegado e diretor do Gflu, Dilermando Dantas.

De acordo com o coronel Alexandre Costa, comandante de Operações do CBM, os bombeiros que se deslocaram de Belém terão reunião com os militares que saíram, nesta quarta-feira (02), do Quartel de Santarém. Na reunião, estarão presentes representantes das empresas donas das embarcações envolvidas no acidente. O navio continua fundeado no local com duas balsas atracadas na proa. O empurrador naufragado está com as demais balsas à deriva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash