Postagem em destaque

Com altos níveis de mercúrio no sangue, santarenos estão sob risco de efeitos tóxicos

Professora Doutora, Heloísa avaliou os níveis de concentração de mercúrio no sangue de pessoas que vivem na região de Santarém. Décadas...

Grupo do Blog

quarta-feira, maio 07, 2014

Feirão da Casa própria em Manaus acontece entre os dias 16 e 18 deste mês.

Feirão da Casa própria em Manaus  acontece entre os dias 16 e 18 este mês com juros de 4,5% ao ano,13 construtoras ofertarão 4,3 mil imóveis, com análise de crédito feita na hora.
 Feirão da Casa Própria terá imóveis a partir de R$ 118 mil em Manaus
Quem financiar a compra com o banco até o dia 31 de julho só começará a pagar em janeiro.
 
Manaus - Durante o 10º Feirão da Casa Própria da Caixa Econômica Federal, que acontece entre os dias 16 e 18 este mês, serão ofertados imóveis avaliados entre R$ 118 mil e R$ 1,5 milhão, com juros a partir de 4,5% ao ano. A instituição espera atingir um desempenho de vendas até 20% maior que o do ano passado.


De acordo com o gerente regional de negócios imobiliários do banco, Wellington Lopes, para incentivar a busca pelo financiamento, quem fechar negócio até o dia 31 de julho só começará a pagar em janeiro de 2015.

No evento deste ano, com a parceria do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), 13 construtoras ofertarão 4,3 mil imóveis, com análise de crédito feita na hora.

Os juros partem de 4,5%, no caso de imóveis enquadrados no Minha Casa Minha Vida. Mas podem variar até 9,2% ao ano, dependendo do tipo de financiamento e do relacionamento com a instituição, como explica Lopes. “Se o proponente tiver conta salário na Caixa, se tiver um cartão de crédito da instituição, tudo isso conta na definição dos juros e quanto melhor a relação, menor os juros”.

O gerente regional da Caixa afirma que a expectativa é aumentar entre 10% e 20% o volume de negócios no feirão, em relação ao ano passado, quando o evento movimentou R$ 380 milhões em 2,1 mil contratos. As linhas de financiamento da Caixa atendem a todas as faixas de renda familiar, com prazo de pagamento em até 35 anos e juros a partir de 4,5% ao ano.

No primeiro quadrimestre do ano, a Caixa fechou 555 contratos imobiliários que somaram R$ 112,1 milhões em financiamentos.

Segundo Wellington Lopes, a instituição tem diversificado seus negócios na área de financiamento imobiliário no Amazonas, com bons resultados.

“No ano passado, tivemos um aumento de 40% no valor financiado, que passou de R$ 265 milhões, para R$ 1,4 bilhão, em 2013. Isso porque passamos a explorar também o financiamento às construtoras, que cresceu 300% no ano passado”, disse.

O financiamento à construção passou de R$ 140 milhões, em 2012, para R$ 500 milhões, em 2013, informou.

Portabilidade

Com a regulamentação da portabilidade de crédito imobiliário com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), oficializada no final do mês passado, o cliente bancário poderá agora solicitar a transferência de operações de crédito para o banco que desejar.

Antes, apenas a Caixa realizava operações. A expectativa é que isso influencie no custo ao consumidor, já que as taxas de juros e o percentual de administração das dívidas podem ser reduzidos sob responsabilidade dos bancos.

O gerente regional da Caixa afirma que a posição do banco é resistir. “Caso haja ataque da concorrência, vamos submeter os contratos a uma negociação e vamos igualar as taxas” oferecidas, afirmou. portald24am

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash