Grupo do Blog

quarta-feira, março 29, 2017

Homem é morto a pauladas após esfaquear companheira




José não resistiu aos ferimentos e morreu no local, onde ocorreu a agressão – Divulgação

Momentos depois de, supostamente, esfaquear a companheira, um homem, identificado como José Edivaldo dos Santos, 38, foi agredido até a morte na rua Sinagoga, bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte, na tarde desta quarta-feira (29). Enteados dele e demais vizinhos são suspeitos de envolvimento na morte.


De acordo com um policial do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), que não quis se identificar, José Edivaldo foi brutalmente agredido a pauladas por mais de cinco pessoas.

“Ele foi morto porque teria esfaqueado a mulher e os filhos dela não teriam aceitado a situação. Foi então que eles foram ao encontro de José e armados com pernamancas o agrediram”, explicou a fonte.

O rosto de José foi a mais atingida pelas pauladas e ficou desfigurado. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionada, mas o homem já estava morto.

Moradores não quiseram comentar sobre o crime com a reportagem. Equipes do Departamento de Perícia Técnico-Científica (DPTC) estiveram no local e informaram que a causa da morte foi agressão por material contundente na cabeça.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e a mulher foi encaminhada para uma unidade de saúde da capital. Não há informações sobre o seu estado de saúde e qual o motivo da briga que levou José a esfaqueá-la.

O crime será investigado pela Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS).

Luís Henrique Oliveira

EM TEMPO   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash