Postagem em destaque

Barco com passageiros naufrága no rio Xingu no pará sete mortes já foram confirmadas

Vinte e cinco pessoas foram resgatadas com vida e sete mortes já foram confirmadas em naufrágio no rio Xingu, sudoeste do Pará. Uma embarc...

pague seguro

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

Grupo do Blog

quinta-feira, fevereiro 04, 2016

Vereador Dayan Serique alerta para cobrança abusiva de mototaxista.

O mototaxista denunciado, perderá a concessão.


Mototaxista que cobrar preço abusivo pode perder a concessão

A lei que normatiza o serviço de mototáxi prevê que se o condutor ao cobrar o serviço acima da tabela e se for denunciado receberá uma advertência e se recair no erro perderá a concessão. “Foi uma iniciativa que a Câmara utilizou para proteger a população dos abusos que podem ocorrer na relação entre os prestadores de serviço e os usuários de Mototáxi”.

O vereador Dayan Serique (PPS), na tribuna da Câmara, nesta quarta-feira, 03/02, destacou preocupação com os desdobramentos sobre a cobrança da nova tarifa do serviço de mototáxi em Santarém. Segundo o vereador, havia necessidade de reajustar os preços, mas reconhece que o serviço não é barato. Diante da situação, Dayan pediu a contribuição da sociedade, no sentido de ajudar a Câmara Municipal a fiscalizar as atividades dos condutores desse tipo de transporte. “Pode contribuir cobrando um transporte de qualidade, seguro e fazer com que os mototaxistas cumpram o que prevê a lei, inclusive, evitando a cobrança dos preços abusivos, acima da tabela”, advertiu.

De acordo com o vereador, até antes do reajuste dos preços houve muitas denúncias de que estavam cobrando preços abusivos, mas agora a lei que normatiza o serviço também prevê que se o condutor ao cobrar o serviço acima da tabela e se for denunciado receberá uma advertência e se recair no erro perderá a concessão. “Foi uma iniciativa que a Câmara utilizou para proteger a população dos abusos que podem ocorrer na relação entre os prestadores de serviço e os usuários de Mototáxi”, justificou.

Dayan explicou que o reajuste prevê que os serviços prestados pelos matotaxistas entre a Avenida Cuiabá e Moaçara, o preço é de cinco reais, ultrapassando esse limite aos bairros além da Avenida Moaçara ou da Avenida Cuiabá, será cobrado seis reais. Quando a viagem for para localidades mais distantes como Cipoal, Tabocal, Boa Esperança, comunidades do Eixo Forte entre outras, a preço será a combinar.

O vereador disse que esse zoneamento é importante para que os prestadores do serviço de mototáxi não aleguem que o preço é insuficiente. Além disso, a tabela foi elaborada levando em consideração o aumento no preço dos combustíveis e outros custos que a categoria investe para se manter no serviço, bem como o ganho que cada condutor estará auferindo pela corrida

Câmara de Santarém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash