Postagem em destaque

Com altos níveis de mercúrio no sangue, santarenos estão sob risco de efeitos tóxicos

Professora Doutora, Heloísa avaliou os níveis de concentração de mercúrio no sangue de pessoas que vivem na região de Santarém. Décadas...

Grupo do Blog

terça-feira, outubro 28, 2014

Homem é morto com nove facadas quando estava dormindo.

Corpo de homem é encontrado com nove facadas dentro de rede, na Zona Norte de Manaus


A vítima foi morta a facadas enquanto estava deitado no interior de seu apartamento. Polícia suspeita que a vítima tenha sido executada por pelo menos dois assassinos
Manaus (AM), 28 de Outubro de 2014ACRITICA.COM*




Homem foi removido dentro da própria rede para o IML.


O cadáver de um homem ainda não identificado foi encontrado na manhã desta terça-feira (28) dentro de seu apartamento, em uma estância localizada no beco Geri, próximo da rua 11B no bairro Novo Aleixo, Zona Norte da capital. A vítima estava deitada em sua rede, banhada em sangue, com vários golpes de facadas pelo corpo. A polícia suspeita que o crime tenha relação com o tráfico de drogas e que dois homens tenham cometido o homicídio.

Ao todo, a vítima recebeu nove facadas, sendo oito delas na região do abdômen e uma muita profunda na altura do pescoço. O cadáver foi encontrado deitado em uma rede em seu apartamento tipo kitinete pelo dono da estância. Segundo o proprietário do local, João de Souza, de 45 anos, o homem havia alugado o quarto há ouco mais de um mês e não percebeu nenhuma movimentação anormal no momento do crime.

O dono da estância sentiu um mal cheiro vindo do quarto da vítima e resolver verificar. Ele pegou, então, uma escada e olhou por uma janela, avistando o corpo do homem todo ensanguentado dentro da rede. Ele em seguida acionou a PM e policiais da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) se dirigiram até o local, constatando o homicídio.

O titular do 27º Distrito Integrado de Polícia (DIP), delegado Rodrigo Bonna, trabalha com a suspeita de que a vítima tenha sido morta por dois assasinos e que o crime tenha relação com o trafico de drogas. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo da vítima dentro da própria rede para dentro da viatura da instituição, onde será periciado. O caso está sendo investigado pelos agentes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs).

*Com informações da repórter Girlene Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash