Postagem em destaque

Barco com passageiros naufrága no rio Xingu no pará sete mortes já foram confirmadas

Vinte e cinco pessoas foram resgatadas com vida e sete mortes já foram confirmadas em naufrágio no rio Xingu, sudoeste do Pará. Uma embarc...

pague seguro

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

Grupo do Blog

sábado, agosto 23, 2014

Um homem acaba de ser executado perto do viver melhor

O corpo de um homem, de idade entre 20 e 25 anos, foi encontrado com sinais de tortura no Ramal do Pereira, situado na Comunidade Paraíso Verde, na Zona Norte de Manaus.

Corpo de homem morto a facadas é achado com sinais de tortura no AM, Vítima foi encontrada em ramal com mãos amarradas e boca amordaçada. Segundo a polícia, ele foi atingido por pelo menos 10 golpes de faca.
Jamile Alves Do G1 AM


Corpo estava com sinais de tortura, diz polícia (Foto: Jamile Alves/G1 AM)

O corpo de um homem, de idade entre 20 e 25 anos, foi encontrado com sinais de tortura no Ramal do Pereira, situado na Comunidade Paraíso Verde, na Zona Norte de Manaus. Populares acharam o corpo na manhã deste sábado (23), e acionaram a polícia. A vítima, que tinha sinais de agressão, estava com as mãos amarradas para trás. Segundo a Polícia Civil, o homem foi morto por golpes de faca.
saiba mais
Pintor é morto com dois tiros em bar próximo à delegacia em Manaus
Homem é morto a tiros dentro de táxi no bairro Cachoeirinha em Manaus

Conforme a polícia, o crime ocorreu na madrugada. Pela manhã, moradores da comunidade avistaram o corpo da vítima deitado de bruços no ramal. Além das mãos amarradas, o homem tinha uma mordaça presa à boca. Ele foi atingido por cerca de 10 golpes de faca nas costas, de acordo com peritos da Polícia Civil.
Corpo foi encontrado em ramal na Zona Norte de
Manaus (Foto: Jamile Alves/G1 AM)

O morador Esdra de Sousa Silva, de 42 anos, foi o primeiro a encontrar o corpo. Segundo ele, moradores da área ouviram tiros durante a madrugada. "Eu costumo acordar cedinho para trabalhar. Quando eu ainda estava na cama, umas 4h, ouvi barulho de tiros e meu cachorro começou a latir. Quando foi de dia eu sai pra ver se conseguia energia para minha casa e dei de cara com o corpo dele", relatou.

Não foram encontrados documentos de identificação junto ao corpo do homem. De acordo com moradores, o homem não era conhecido na comunidade. Alguns populares afirmaram que veículos transitaram de noite pelo ramal três dias antes do crime. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.
tópicos:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash