Postagem em destaque

Barco com passageiros naufrága no rio Xingu no pará sete mortes já foram confirmadas

Vinte e cinco pessoas foram resgatadas com vida e sete mortes já foram confirmadas em naufrágio no rio Xingu, sudoeste do Pará. Uma embarc...

pague seguro

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

Grupo do Blog

segunda-feira, fevereiro 18, 2013

Policia Civil incinerou mais de 74 quilos de maconha

Da Agência Pará

BELÉM – A Polícia Civil incinerou, em Novo Progresso, Sudoeste do Pará, mais de 74 quilos de drogas apreendidas, nos anos de 2011 e 2012, durante a operação policial denominada “Vulcano”. A maior parte dos entorpecentes destruídos era formada por maconha do tipo prensada.
A Polícia Civil incinerou, em Novo Progresso, sudoeste do Pará, mais de 74 quilos de drogas apreendidas, nos anos de 2011 e 2012, durante a operação policial denominada "Vulcano". Foto: Divulgação/Polícia Civil
Sob coordenação e controle operacional do delegado Caio Carmello Rocha Lobo, da Delegacia de Novo Progresso, e supervisão da Superintendência Regional do Tapajós, a destruição da droga também foi acompanhada por quatro policiais civis e seis militares. Entre eles:  um perito criminal do CPC “Renato Chaves” de Santarém; uma servidora da Superintendência Regional do Tapajós e um discal da Vigilância Sanitária do município.

Os profissionais deram apoio no traslado da droga apreendida, da sede da Polícia Civil até os fornos de uma empresa, usados para a destruição do entorpecente. As drogas foram apreendidas em operações realizadas em áreas de fronteira do Pará com o Mato Grosso, dentro de transportes coletivos, que fazem linha regular entre os dois Estados,. A maconha era transportada,  principalmente, por adolescentes e o destino final era a cidade de Santarém.
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash