Postagem em destaque

Com altos níveis de mercúrio no sangue, santarenos estão sob risco de efeitos tóxicos

Professora Doutora, Heloísa avaliou os níveis de concentração de mercúrio no sangue de pessoas que vivem na região de Santarém. Décadas...

Grupo do Blog

quarta-feira, fevereiro 13, 2013

Cid Moreira voz de veludo é preso em Óbidos

Elinelson Silva explica que "Cid Moreira" é conhecido por aplicar golpes em diversos estados da federação. Basta fazer uma pesquisa na internet para visualizar reportagens e fotografias do acusado. Lindberg da Silva, em depoimento, alegou que apenas se hospedou em hotéis na cidade e admitiu não ter pago a conta, mas, ao seu ver, não cometeu crime.



" Cid Moreira" preso em Óbidos

A Polícia Civil de Óbidos, oeste do Pará, prendeu em flagrante, no final de semana, o paraibano Lindberg Fernandes da Silva, conhecido pelo apelido de “Cid Moreira”, natural de São Mamede (PB). Ele é apontado como um dos maiores golpistas das regiões norte e nordeste, acusado do crime de estelionato nos Estados do Pará, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Norte e Piauí. Com 67 anos de idade e endereço residencial na Rua Diogo Moia, bairro do Umarizal, em Belém, Lindberg foi preso por estelionato por policiais civis comandados pelo delegado Elinelson Silva, no momento em que tentava deixar a cidade de Óbidos. Segundo o delegado, ele teria aplicado golpes em comerciantes da cidade, hospedado-se e se alimentado em um hotel sem pagar a conta. O acusado se apresentava aos comerciantes como representante comercial e empresário do ramo de pneus sob alegação de que estava na cidade para montar uma grande loja. "Ele conseguia enganar os comerciantes e conseguir crédito financeiro junto a eles", apurou o delegado.
Elinelson Silva explica que "Cid Moreira" é conhecido por aplicar golpes em diversos estados da federação. Basta fazer uma pesquisa na internet para visualizar reportagens e fotografias do acusado. Lindberg da Silva, em depoimento, alegou que apenas se hospedou em hotéis na cidade e admitiu não ter pago a conta, mas, ao seu ver, não cometeu crime. Conforme levantamento feito pela Delegacia de Óbidos, ele já aplicou golpes em cidades paraense, como Salvaterra e Cachoeira do Arari, no Marajó; e em Santarém, oeste do Pará. Nessas cidades, ressalta o delegado, ele teria deixado dívidas em hoteis e prejuízos para comerciantes. Lindberg também é acusado de aplicar os mesmos golpes nos municípios de Itaporanga, na Paraíba; Caicó e Currais Novos, no Rio Grande do Norte; em Casa Nova, na Bahia, e Petrolina, no Piauí. Ele está recolhido na Delegacia de Óbidos enquanto aguarda a remoção para uma das casas penais do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário

Flash