Postagem em destaque

Professora exigia sexo para aumentar notas de alunos. Veja o vídeo!

Uma professora casada de Medellín, Colômbia, foi presa após acusações de que transava com alunos menores de idade e, em troca, dava notas ...

Olho do Boto

Grupo do Blog

Informatica

sexta-feira, junho 30, 2017

Bandidos são mortos pela policia em santarém.

Elementos de alta periculosidade invadiram uma casa e fizeram de refém 10 pessoas no bairro área verde, em confronto com a policia 4 foram direto para o saco.


Quatro suspeitos de assalto morrem em confronto com a PM em Santarém

Por G1 Santarém

Criminosos invadiram uma casa e pelo menos 10 pessoas foram feitas reféns. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (29) no bairro Área verde.
Quatro jovens suspeitos de assalto foram mortos em confronto com homens do Grupamento Tático Operacional (GTO), da Polícia Militar (PM), na noite de quinta-feira (29), no bairro Área Verde, em Santarém, oeste do Pará.
Segundo informações da polícia, os jovens invadiram uma casa na rua Niterói e anunciaram o assalto. No interior da residência, havia pelo menos 10 pessoas da mesma família. Elas foram amarradas e feitas reféns enquanto os criminosos vasculhavam os objetos da casa.
Ainda de acordo com a polícia, um vizinho percebeu a movimentação na casa e chamou a polícia. Ao perceber a presença de policiais, os criminosos fugiram do local levando alguns objetos, mas foram abordados. Houve troca de tiros e os quatro bandidos foram alvejados.
Três morreram a caminho do Pronto Socorro Municipal (PSM). O quarto jovem ainda chegou a dar entrada na unidade, mas acabou morrendo na sala de reanimação.
Uma pistola, uma arma caseira e braçadeiras plásticas usadas para imobilizar as vítimas estavam com os criminosos e foram apreendidas pela polícia, além de objetos furtados da residência, como celulares e carteiras porta-cédulas.
O caso foi registrado na 16ª Seccional de Polícia Civil. Os corpos foram levados ao Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPC), órgão do Instituto Médico Legal (IML), para serem identificados e depois liberados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário