Postagem em destaque

Senadora Katia Abreu é expulsa do PMDB

A senadora é contrária às reformas da Previdência e trabalhista. O Conselho de Ética do PMDB decidiu expulsar da legenda nesta 5ª feira (2...

Olho do Boto

Grupo do Blog

Informatica

sexta-feira, novembro 30, 2012

Auxilio moradia já está sendo pago

 O governador Omar Aziz (PSD) fez hoje o pagamento da primeira parcela dos beneficíos anunciados por ele, no valor de R$ 900, às 395 famílias, vítimas do incêndio na comunidade Arthur Bernardes, no São Jorge, zona oeste. As famílias receberam R$ 400 do ‘Aluguel Social’ e mais R$ 500 para a compra de roupas novas.

 portal@d24am.com

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Seas) cadastrou 543 famílias vítimas do incêndio s
O pagamento foi feito no Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou. As famílias receberam o benefício em dinheiro, e não em cheque como estava previsto, para facilitar e agilizar o recebimento do benefício.

Durante o evento de entrega, Omar anunciou que as famílias atingidas que não quiserem esperar pela conclusão das obras do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim), que só serão concluídas daqui a um ano, já poderão solicitar indenização para comprar outra casa. “O valor do aluguel será pago todos os meses para as famílias que optarem por esperar. Aquelas que não quiserem podem escolher a indenização”, disse.

Segundo ele, o pagamento das indenizações só seria feito a partir de abril e maio do ano que vem, mas como incidente foi necessário adiantar. Ele pretende indenizar todas as famílias até janeiro do ano que vem.

Omar disse ainda que até o fim da próxima semana cada família atingida vai receber uma geladeira, um fogão com botija, televisão, redes, colchões, lençóis, e fraldas descartáveis. As vítimas também receberão uma cesta básica nos próximos quatro meses, ou até se estabilizarem. “Não posso devolver tudo para eles mas tudo que o governo está podendo fazer estamos fazendo”, disse o governador. Para a dona de casa Rosiene Lira de Araújo, 26 anos, que perdeu tudo no incêndio, o benefício veio em boa hora e vai ajudar a recuperar o que perdeu. “Eu moráva lá, mas eu tinha boas coisas. Minha geladeira era nova, não sobrou nada. Agora é comprar tudo de novo”, disse. Ela contou que tinha levado o filho ao hospital e quando voltou a casa já estava em chamas. “Fiquei só com a roupa do corpo”, acrescentou.

Ao receber os R$ 900, Francisco Sá Dantas, 27 anos, disse que o benefício “vai ajudar a retomar a vida”. Ele foi um dos poucos que conseguiu retirar alguns pertences como geladeira e fogão.

As famílias que não tiveram as casas queimadas permanecerão no local até o ano que vem, quando serão inicadas as obras do Prosamim.

Cadastros

Segundo a secretária titular da Seas, Regina Fernandes, o principal problema do atendimento às vítimas do incêncio são os cadastros. Segundo ela, há vítimas que não estão entre os cadastrados. “As famílias que estão com o cadastro certinho receberam o benefício, mas tem cadastros que não estão batendo. Esses nós vamos analisar caso a caso”, disse.

Ela explicou que alguns cadastros foram feitos há mais de um ano, e que nesse período algumas pessoas se mudaram e novos donos não estão cadastrados. Segundo ela, uma atualização estava prevista para o início do ano que vem, mas com o incêndio a atualização terá que ser feita de outra forma e cada caso será analisado individualmente.

Reforço na Educação

Nesta sexta-feira, 30 de novembro, o governador Omar Aziz reinaugurou a Escola Estadual Gonçalves Dias. Transformada em Escola de Tempo Integral, a unidade fica no conjunto Dom Pedro vai atender a educação fundamental de 1ª a 5ª série, com capacidade para 500 alunos.

Durante a cerimônia, Omar anunciou que está em andamento a licitação para a construção de 22 Escolas de Tempo Integral para os municípios do Interior. Em Manaus, o governador afirmou que planeja dobrar o número de escolas na modalidade com a construção de novos prédios e adaptação de escolas já existentes e ampliar o programa de reforço escolar.

“O objetivo nosso é melhorar a qualidade do ensino, e as escolas de tempo integral são um avanço. Quanto mais tempo o jovem passa na escola, melhor para os pais, para a escola e para eles próprios. Vamos construir novas escolas para nossos irmãos do interior. Até o final do ano eu quero iniciar a licitação. Outras escolas também vão ser construídas em Manaus e, com isso, vamos dar um leque de oportunidades para os nossos jovens e adolescentes terem uma boa educação”, disse.

Novas Escolas em Tempo Integral

Parintins foi o primeiro município do interior a receber um Centro de Educação de Tempo Integral. Autazes, Boca do Acre, Borba, Benjamin Constant, Carauari, Coari, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Iranduba, Lábrea, Manacapuru, Manicoré, Maués, Presidente Figueiredo, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Tefé e Urucará serão contemplados com as novas Escolas de Tempo Integral. Manaus já possui 30 Escolas de Tempo Integral e tem mais duas obras em fase de finalização.

“O problema em Manaus são áreas para construção. Onde há demanda reprimida não temos terrenos disponíveis. Com planejamento e orçamento, até o dia 15 devemos saber quantas vamos construir em Manaus e aquelas que serão transformadas. No conjunto Viver Melhor, eu vou construir duas escolas: uma de tempo integral e uma escola modelo”, informou Omar Aziz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário