Postagem em destaque

Nélio assina Ordem de Serviço para a 2ª etapa da Praça de Eventos

Assinada a Ordem de Serviço para 2ª etapa da Praça de Eventos O Prefeito de Santarém Nélio Aguiar e o secretário Municipal de Infraest...

Flash

Poderá gostar também de:

Participe

Quem achou interessante

quinta-feira, junho 01, 2017

Operação Raratouille prende empresário por fraude na merenda escolar

Policiais federais prenderam na manhã desta quinta-feira (1°), durante a Operação Raratouille, desdobramento da Lava Jato, o empresário Marco Antônio de Luca, ligado às empresas Masan e Milano, acusado de participar de um esquema criminoso de desvio de recursos para o fornecimento de merenda escolar e alimentação de dententos do Estado do Rio de Janeiro.

O jantar conhecido com o "Farra dos guardanapos", entre autoridades do Estado do Rio de Janeiro e empresários, entre eles, Luca, preso hoje. (Foto: Reprodução)


De acordo com o apurado pela PF, o empresário teria pago R$ 12,5 milhões para obter vantagens com autoridades públicas do governo do Rio. Ambas empresas, Masan e Milano, ainda mantêm contrato com o Estado.

Além do mandado de prisão preventiva, quando não há período estabelecido para a liberação do alvo, os policiais ainda cumprem nove mandados de busca e apreensão.

A operação foi batizada de Ratatouille em alusão a um prato típico da culinária francesa e faz referência a um jantar ocorrido em um restaurante de luxo de Paris, em que estavam presentes autoridades do Rio de Janeiro e empresários, entre eles Luca, no evento que ficou conhecido como "farra dos guardanapos".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário