Postagem em destaque

Professora exigia sexo para aumentar notas de alunos. Veja o vídeo!

Uma professora casada de Medellín, Colômbia, foi presa após acusações de que transava com alunos menores de idade e, em troca, dava notas ...

Olho do Boto

Grupo do Blog

Informatica

quarta-feira, fevereiro 15, 2017

Doméstica é esfaqueada após reagir a assalto e tentativa de estupro

Um homem, que a polícia ainda não conseguiu identificar, invadiu uma residência e esfaqueou uma empregada doméstica durante uma tentativa de assalto e estupro, na tarde desta quarta-feira (15). O caso aconteceu, por volta das 16h30, no bairro Praça 14 de Janeiro, Zona Sul de Manaus.

O homem foi agredido por populares e acabou preso – Fotos: Divulgação

De acordo com uma testemunha e vizinha da vítima, a advogada Sarah Talia Benayon, 55, a empregada, que não teve o nome divulgado, estava lavando a garagem da casa onde trabalha, localizada na avenida Tefé, quando foi surpreendida pelo homem. Na ocasião, a vítima relatou que o suspeito estava armado com uma faca, entrou na casa e anunciou o assalto.



Em reação, a empregada travou uma luta corporal com o suspeito após perceber que também seria vítima de abuso sexual. O homem tocou em suas partes íntimas.

“Ela utilizou um cabo de vassoura e lutou contra o bandido. Ela ficou com muitos ferimentos nas mãos porque segurou na ponta da faca. Ele ficou furioso e começou a esfaqueá-la. Ela teve vários cortes na perna direita”, relatou Sarah.


A vítima foi esfaqueada após reagir

Durante a ação criminosa, ao ouvir os gritos da vítima, vizinhos e moradores da casa saíram para ver o que estava acontecendo. Neste momento o homem tentou fugir e foi capturado a poucos metros do local do crime.

“Na hora da tentativa de fuga, um homem passava de carro pelo local e presenciou o bandido correndo todo sujo de sangue. A população estava gritando atrás dele. O motorista então jogou o carro para cima dele e, com isso, o derrubou na calçada”, relatou uma testemunha.

O infrator foi agredido por moradores da região e só não foi vítima de linchamento porque policiais militares da 1ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) chegaram no local e realizaram a prisão em flagrante. O homem foi conduzido para o 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde os procedimentos cabíveis estão sendo adotados.

Até a publicação desta matéria, a polícia não conseguiu identificar o nome do suspeito, pois ele não possui documentos de identidade. Ele apenas declara que é morador do município de Canutama (distante 650 km de Manaus).

A empregada foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e conduzida para o Hospital e Pronto Socorro (HPS) 28 de Agosto, bairro Adrianópolis, Zona Centro Sul de Manaus.

“Ela sofreu graves ferimentos de arma branca na perna direita. Assim que deu entrada no hospital, já foi imediatamente para o centro cirúrgico. O estado de saúde dela é gravíssimo, pois a veia femoral sofreu uma grande lesão e ela corre risco de vida. A equipe médica disse que se ela sobreviver, corre também o risco de ter a perna amputada”, informou a advogada da vítima.

Isac Sharlon
EM TEMPO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário