Postagem em destaque

Adriano desabafa nas redes sociais após foto com traficante da Rocinha

Nesta sexta-feira, Adriano Imperador virou capa do Jornal Meia Hora, aparecendo em uma foto junto ao traficante Rogério 157, chefe do tráf...

Grupo do Blog

Informatica

Beile Paraense

Beile Paraense

quarta-feira, janeiro 25, 2017

SINTEPP lança nota de repúdio contra agressão sofrida pela Profa. Maria Geuciane de Jesus Lopes.

 SINTEPP: NOTA DE REPÚDIO

O SINTEPP (Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará) subsede Santarém vem a público repudiar veementemente o ato brutal, violento, desumano e de tortura contra a Servidora Pública Estadual, Profa. Maria Geuciane de Jesus Lopes. Ato esse praticado pela família Serique, nas pessoas de Marilza Serique, Samai Serique e Saron Serique.
Foi uma ação extremamente violentadora contra a dignidade de uma pessoa, especialmente por se tratar de educadoras contra educadora e, portanto, uma severa perfídia à natureza humana e aos princípios sagrados da Constituição Federal do Brasil.
Assim, NÓS, trabalhadores e, especialmente, TRABALHADORAS da Educação Pública Estadual, expressamos com profundo pesar essa NOTA DE REPÚDIO contra essa brutalidade e sangria a uma trabalhadora da educação.
Sentimos porque somos humanos. Mas, também porque humanos somos, nos indignamos e repudiamos esse ato de violência e de tortura contra a ilustre Servidora Pública Maria Geuciane de Jesus Lopes.
SINTEPP A FAVOR DA VIDA E CONTRA TODO ATO DE VIOLÊNCIA!



Leia a repercussão do caso clicando abaixo

Mãe de vereador tortura professora em Santarém.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário