Postagem em destaque

Mentor da morte de técnica de enfermagem tinha briga com filho da vítima

Segundo o delegado Juan Valério, Lessandro Leal de Lima havia se envolvido em uma briga com o filho de Corina no dia 27 de maio e desde en...

Flash

Poderá gostar também de:

Participe

Quem achou interessante

sexta-feira, maio 13, 2016

Von veta aumento do transporte coletivo

Para não se queimar com o eleitorado Von veta aumento do transporte coletivo.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Santarém (Setrans) levou ao Conselho Municipal de Transporte uma proposta de novo reajuste da tarifa urbana do transporte coletivo. Pela planilha apresentada pelo Setrans, para cobrir os custos das empresas a tarifa deveria ser de R$ 3,33. A discussão sobre o tema está agendada para a semana que vem. Mas o prefeito Alexandre Von afirmou ao Portal OEstadoNet que não haverá reajuste de tarifa até o final deste ano.

De acordo com o gestor municipal, o reajuste de tarifa do transporte coletivo é um assunto que não tem data para ser decidido. Além disso, quando Von homologou o reajuste da tarifa em 29 de maio do ano passado, ficou acordo com o Setrans que as empresas pagariam em 12 parcelas – fruto de renegociação - todo o ISS atrasado, o que não foi cumprido. As empresas pagaram apenas três parcelas. Von descarta o aumento na tarifa de ônibus

O Conselho Municipal de Transporte vai avaliar a proposta do Setrans, mas não conceder o aumento, já que o órgão é apenas consultivo e não deliberativo.

O Decreto nº 159/2015, que autorizou em R$ 2,25 o valor da tarifa do transporte coletivo urbano no ano passado, fixou o passe estudantil, para estudantes de nível fundamental, médio, superior e educação profissional, em R$ 0,75. E manteve inalterado o valor da tarifa denominada "domingueira", fixada em R$ 1,30.

O Decreto também determinou que as empresas do transporte coletivo realizem recadastramento na SMT até junho do ano passado.

No momento, a preocupação do município é realizar a licitação para o transporte coletivo. Ainda neste mês de maio deve ser lançado o edital da primeira cota a ser licitada que contempla cinco linhas: Orla, Aeroporto Wilson Fonseca, Boa Esperança, Tabocal/Cedro e Alter do Chão.

BLOG DO COLARES com informações do Portal O Estado Net

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo
que você achou?
Meta o dedo
Deixe seu comentário